TURISMO DE CONTRABANDO COMO FUTURO PRODUTO TURÍSTICO

A partir de uma antiga escola de aldeia e agora transformada em alojamento, a  Casa do Marco – Turismo Raiano acredita que o TURISMO DE CONTRABANDO apresenta inúmeras potencialidades turísticas, entre o Alto Alentejo e a Extremadura Espanhola.

Nós acreditamos que o Turismo de Contrabando pode transformar-se num verdadeira PRODUTO TURÍSTICO que importa valorizar, contar e organizar, porque o mesmo apresenta uma oferta diversificada no território, que quem vive nestes territórios conhece-o entre várias gerações, tanto de um lado da fronteira como do outro.

Hoje com as mudanças claras que o turismo viveu e ainda vive com o Covd-19, hoje os turistas procuram experiências únicas e diferentes e é claramente por isso que o TURISMO DE CONTRABANDO se pode diferênciar, mas que ao mesmo tempo se torna complementar, porque não deixa de se interligar com o Turismo Gastronómico de Natureza ou Cultural permitindo a cada turista viver algo único com mil e uma histórias dos contrabandistas.

Por isso a Casa do Marco – Turismo Raiano se encontra a desenvolver várias experiências inovadoras em TURISMO DE CONTRABANDO, interligando património como a PONTE INTERNACIONAL MAIS PEQUENA DO MUNDO, ou ainda o desenvolvimento de MERCHANDISING ou lançamento de PRODUTOS GASTRONÓMICOS, onde as histórias, recordações, momentos, atividades ou simplesmente o sentir de estar num território onde essas histórias de contrabando estão presentes no dia a dia dos dois Países.

Comments are closed.
es_ESES